domingo, 24 de fevereiro de 2008

CARA NOVA
Na entrevista, veículada hoje (24/02), no Jornal Folha da Manhã, o coordenador do "Projeto Cara Nova" - Murilo Diegues, afirma que as demandas encontradas por ele foram surpreendentes e, que vai cobrar resultados e fiscalizar a qualidade das obras realizadas. Disse ainda que, embora saiba que a descentralização das gerências é necessária, não abre mão do comando das ações. Admite que vai ser preciso da colaboração de várias secretarias e apoio irrestrito do Prefeito, a quem intitula "maestro" do Projeto. E, ainda, que se vir que não está produzindo o que almeja, junta seus "panos de bunda" e cai fora.
Murilo, nas entrelinhas das suas declarações, desdenha, de certa forma, do seu antecessor - Edilson Quintanilha, quando alega que as demandas o surpreenderam e que o Projeto "Cara Nova" começa tarde no Governo Mocaiber. Mexe com os empreteiros, quando diz que irá fiscalizar e cobrar qualidade nas obras. Coloca uma certa pitada de terror, quando declara que vai cobrar resultados dos seus comandados. Mostra independência e despreendimento, quando afirma que se o Projeto não produzir os resultados que sua consciência espera, "pula fora" do governo. Enfim, o teor da sua entrevista deve ter alvoroçado alguns setores de dentro do próprio governo que fará parte. A continuar com essa postura firme e pouco política, particurlamente acho que Murilo não irá ver o final deste projeto (se é que terá). Resta-nos saber por quanto tempo ele tocará esse projeto, que ainda nem começou muito bem, pois a data prevista é para março.

4 comentários:

emiltinho disse...

Uma idéia tão simples,que com todo este dinheiro ninguém conseguiu colocar em ação.Viva ao competente ex-gerente de desenvolvimento,homem da mais alta confiança deste prefeitinho,por que é baixinho , desta bosta de cidade,por que tem muita carroça de tração animal puxada por burros e bestas,tal de quintanilha.

Marco Antônio disse...

Esse Projeto bem que poderia ser chamado "Projeto Cara-de-Pau".

A execução desse Projeto nas proximidades da eleição, nos passa, cidadãos campista, um recibo de babacas.

Acredito que não deverá dar tempo para reverter o quadro eleitoral negativo que o prefeito experimenta.

Marquinho do Centro disse...

"Cara Nova" é educação nova (fora do zero), é combate efetivo a Dengue, com um carro mata-mosquitos por bairro, é sanar a falta de medicamentos nos postos de saúde e na farmácia pública. Cara Nova é um "stop" na corrupção oficial. É valorização do esporte. É a valorização do cidadão campista.
Cara Nova porquê a cara da cidade está feia a muito tempo.
Cara Nova é o cacete. É levantamento de recursos para as eleições de 5 de outubro.
Pra cima de moá.

Maxuel Batista disse...

Como disee o vice-prefeito Roberto Henriques, esse Projeto é um "Sepulcro Caiado". Bonito por fora e podre por dentro. É verdade!