sexta-feira, 25 de janeiro de 2008

DEU NO BLOG DE ROBERTO BARBOSA:

José Carlos Vieira Barbosa: ex-prefeito de Campos, que antecedeu Garotinho no governo municipal. Acusação: Zezé Barbosa, como ex-prefeito é conhecido, foi acusado de enriquecimento ilícito. Garotinho afirmava que Zezé comprava fazendas e cavalos de raça com dinheiro da Prefeitura. Anos depois ficou provado que as acusações eram caluniosas. O ex-prefeito abandonou a política e recentemente Garotinho pediu seu apoio para o candidato Geraldo Pudim.
Sérgio Mendes: Ex-prefeito de Campos. Foi eleito em 1992, com apoio do próprio Garotinho. No decorrer do mandato aconteceu a ruptura. Garotinho tentava interferir na administração de Mendes. O ex-prefeito também foi acusado de corrupção. Certa vez Garotinho chegou a dizer, num almoço na Igreja Santo Antônio, em Guarús, que Mendes tinha dinheiro depositado num Banco estrangeiro. Nada foi provado.
Paulo César Martins: Ex-presidente da Câmara Municipal de Campos e ex-deputado estadual. Alinhado de Garotinho no passado, Paulo César foi impiedosamente atacado como caloteiro. Garotinho, certa vez, chegou a mobilizar a imprensa para cobrir confisco dos pertences pessoais do ex-deputado por parte de um oficial de justiça. Atualmente Paulo César Martins mora em Campos e trabalha com publicidade.
Carlito Barbosa: Ex-presidente da Câmara de Vereadores. Em seu primeiro mandato, entre 1988 e 1992, Garotinho chegou a organizar uma passeata em Campos com milhares de pessoas para promover o enterro simbólico do vereador. Organizou também uma sessão extra para afastar Carlito da presidência da Câmara. A sessão foi presidida pelo vereador Zezinho de Travessão, na porta do legislativo. Zezinho, anos depois, foi condenado pelo assassinato do também Vereador Lilico. Carlito foi acusado de fazer uma obra no prédio da Câmara a preço superfaturado. Ficou provado que era a denúncia não tinha fundamento. Carlito não perdeu o mandato e a presidência da Câmara, mas também abandonou a política.
Ederval Venâncio: Vereador, campeão de mandatos na Câmara Municipal. Foi acusado juntamente com Carlito Barbosa, porque na época era primeiro-secretário da Câmara. Na época Garotinho organizou uma ampla reportagem mostrando imagens de sua casa na praia de Santa Clara, litoral de São Francisco de Itabapoana, como se fosse uma mansão construída com dinheiro público. Tudo também obra da imaginação do ex-governador. Ederval continua na ativa em Campos.
Arnaldo França Vianna: Deputado federal, ex-vereador em Campos e ex-prefeito. Foi vice de Garotinho em seu segundo mandato e ficou na administração com o pedido de desincompatibilização de Anthony Garotinho em 1998 para disputar o governo do Estado. Neste caso também houve a ruptura logo após a derrota de Garotinho na eleição presidencial de 2000. Garotinho acusou o grupo de Arnaldo de fazer corpo mole em sua campanha em Campos, sua cidade natal, onde acabou sendo menos votado do que Lula. Passou a acusar Arnaldo de liderar uma quadrilha que saqueia os cofres públicos.
Alexandre Mocaiber: Prefeito de Campos. Foi secretário de Saúde no governo Arnaldo Vianna. Elegeu-se vereador na eleição de 2004 e logo depois presidente da Câmara. Assumiu a prefeitura em abril de 2005, depois que o prefeito eleito em 2004, Carlos Alberto Campista foi afastado em função da anulação do processo eleitoral de 2004. Numa nova eleição marca para 2006, Mocaiber se elegeu no segundo turno, derrotando o atual deputado Geraldo Pudim, candidato de Garotinho. Atualmente sofre ataques de Garotinho, através de seu jornal O Diário e sua rádio, Diário FM. Neste caso vale um registro: Em visita a Campos, em 2006, por ocasião do lançamento da pedra fundamental da empresa Schulz, Garotinho afirmou que “confiava em Alexandre Mocaiber porque era honesto. Meses depois tentou um acordo com o então prefeito interino para a eleição. A proposta foi intermediada pelo compadre de Garotinho, o ex-deputado Fernando Leite Fernandes. O acordo não aconteceu e Garotinho passou a fazer ataques contra a administração de Mocaiber. O blog poderia enumerar numa lista as pessoas que Garotinho acusou e não provou. Agora o papo é diferente. Ele vai enfrentar mais de 80 queixa crime e mais de 250 processos por crime de injúria, calúnia e difamação.
O Secretário de Comunicação de Campos esqueceu de enumerar os nomes de Paulo Feijó, Dr. Abdu Neme, Jorge Virgílio, Rockfeller de Lima, só para citar alguns outros.

13 comentários:

cibele pq guarus disse...

Todos contra um,esse garotinho é mesmo uma potência.

Maktub Sabban disse...

Todos feitos inimigos de Garotinho, por ele próprio. Seu jeito de fazer política atacando, injuriando, caluniando, indo até as últimas, onde culmina com a aniquilação política dos outros é uma prática repudiável, deste tão inteligente e experente político, quanto vingativo e perseguidor.
Tá pagando o preço hoje. É o político de maior rejeição em Campos e Região.

Cláudio Andrade disse...

Parabéns pelo seu blog. Que Deus lhe conceda sabedoria para nutrí-lo de boas informações.
Estou com o meu e gostaria de seu apoio para divulgação. O endereço é blogclaudioandrade.blogspot.com

Obrigado.

Leonardo Sodré disse...

Todos, até os citados pelo blogueiro no final, estão passíveis de sentar no colo de Garotinho novamente. Esse Garotinho é um gênio em se tratando desse tio de política ou politicagem. E todos os citados tem imenso respeito, medo, sei lá o quê, de Garotinho. Reconhecem sua genialidade e se renderiam a uma boa conver$a com ele. Basta um fato novo. O veto as emendas de veradores no orçamento de 2008, pode ser um desses fatos novos que acontecem eventualmente.
A prudência manda que não se subestime esse tal de Garotinho.

Anônimo disse...

Garotinho atacava Zezé Barbosa, dizendo que este era vingativo. No entanto, o que se vê é que ele, Garotinho, é o vingativo da história.
Tantos companheiros traídos! Que o diga Sérgio Mendes, que promovia as reuniões em Guarus e o ajudava a fazer discursos em ônibus urbanos, quando Garotinho tentava uma vaga na Câmara Municipal, ainda aprendendo política no colo do próprio Zezé Barbosa.
Não entendo como um político consegue perder seu próprio eleitorado, inclusive com seus eleitores trocando os votos que dariam a ele por votos de protesto. Como ACM conseguiu manter seu eleitorado até sua morte? Certamente não foi traindo quem o elegia.
Também não entendo como o PMDB nacional o mantém presidente do diretório estadual, após o vexame do "Garotinho-faz-greve-fome".

Marcos M. de Araujo

leandro disse...

É de conhecimento de todos que o jornal folha da manhã foi o mais político desse 1º turno das eleições, como sempre,atacou o casal garotinho com o objetivo de esconder os escandulos do qual faz parte. Lamentável ver uma mídia comprometida .Digo com tranquilidade que o diário tratou dos fatos com mais verdade, digo isso ,pois, busco ler os dois lados e não vi em nenhum momento o diário publicar direito de resposta pra candidato algum, diferente da folha da manhã, que no último mes publicou a foto da ponte rosinha várias vezes tentando manipular a opinião pública dizendo que a ponte causou problemas. Ponte está que foi objeto de disputa, e como rosinha ganhou da justiça o direito de construi-la,pois, o seu projeto era mais eficiente e barato, o outro grupo político tenta desqualificar a mesma obra que defendia, através dessa mídia que se achava dona da verdade no nosso município.Pode- se observar tb que todas as pesquisas que apontavam rosinha na frente foram criticadas e desqualificada.
"Os incopetentes e corruptos culpam as circunstâncias e terceiros" Isso deve ser para esconder telhados de vidro. Essa semana tem feito frio, será que é culpa do garotinho?? Garotinho faça o sol sair... huahauhauhauuhu

ricardo disse...

Me digam pobres mortais,ingenuos,quem na politica não ataca seu adversário???
As verdades são para serem ditas.

flavio disse...

Todos sabem que não existe verdade absoluta e que ninguem é perfeito, mas que as verdades que garotinho fala faz muita gente em campos tremer...Porque sera??
hahahahahahahahahahaha
Garotinho neles...

Anônimo disse...

Todos sabem de um ex cortador de cana que hojê é um próspero empresário que na época de Zezé "Barbosa" de um dia pra noite ficou cheio de terras inclusive la em Boa Vista perto de Farol (Caiu no colo dele?)

Anônimo disse...

Esqueceram de Leonel Brizola,que queria encontrar o capeta, mas não queria ver Garotinho, a quem chamava de molequinho.

Anônimo disse...

Gostaria de saber se a lei do Nepotismo NÃO vai valer para nossa cidade, porque até agora nada foi feito e a parentada está toda quietinha cada um no seu lugar.
Se a prefeita Rosinha quer moralizar nossa cidade tem que tomar uma providência ,pois os secretários estão omissos a situação.

Anônimo disse...

o lider do governo vereador magal recebe mais de meio milhao em convenio com seu colegio no parque guarus data 15/06/2009, para defender o palpiteiro Garotinho na camara. Espero que Marcos Bacellar defenda o povo de Campos com este convênio de 6 meses + de meio milhão.

Anônimo disse...

MUDANÇA DO COMANDO (O Globo - 08/7/09
Novo comandante-geral da PM ganha blog de apoio
O coronel Mário Sérgio Duarte, que assumiu hoje o comando-geral da Polícia Militar, já ganhou um blog de apoio na internet. O Amigos do Cel. Mário Sérgio dá boas-vindas ao novo comandante e passa um recado para o ex-governador Garotinho, pedindo que ele deixe o coronel trabalhar em paz, caso contrário será revelada a história do "pacotão pardo". Sem entrar em detalhes, os autores do blog afirmam que Mário Sérgio foi um dos poucos que não aceitou receber o "pacote".